Uma pipa meio apagada



Na década de 80 um artista plástico (que por mais que tenha pesquisado na internet, não consegui achar o nome) à pedido do Hospital de Clínicas, pintou na lateral da ala pediátrica uma pipa gigantesca, que num tempo de menos prédios, era visível de vários pontos de Curitiba. Hoje a pipa está meio apagada e meio sem vida, uma pena, já que uma imagem que leva a lembranças bem alegres ajudava a suavizar a imagem séria do HC.

Comentários

  1. Takeuchi no ano de 1988 eu fiz um estágio do técnicnonuma empresa que levantou as instalações elétricas do HC. Lembro que essa pintura era recente. Faz tempo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem dessa época que me lembro ela ter sido feita. Ajudei a organizar uma exposição de artes plásticas nessa época e lembro de termos dentre os trabalhos de vários artistas, 3 telas em formato de pipa desse mesmo artista! Mas não consigo lembrar o nome dele! Deve ser a idade!

      Excluir
  2. um doutor amigo meu disse que o artista é o Eduardo Nascimento.

    ResponderExcluir
  3. Meu irmão da fazia tratamento pra leucemia há 18 anos e eu me lembro q a gente adorava ficar olhando a pipa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A pipa cumpriu então o seu intento. Obrigado por compartilhar.

      Excluir

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.

Postagens mais visitadas