domingo, 23 de novembro de 2014

Grupo de Caminhadas Observacionais - Prado Velho, Capanema, Rebouças

Participamos ontem da XVII Caminhada Observacional, dessa vez pelos bairros do Prado Velho, Capanema (digo, Jardim Botânico) e Rebouças. O grupo foi bem menos numeroso se comparado à outras edições, talvez pelo tempo ou talvez pelo local. Podemos dizer que a tensão nos acompanhou por vários momentos, seja pelo convite que já trazia uma referência aos cuidados com a segurança, seja por um carro que parou ao nosso lado recomendando que tomássemos cuidado por tratar-se de um local perigoso, pelas pessoas que nos olhavam desconfiados, por um morador de beira de rio que (segundo disseram) costuma abordar as pessoas de forma rude e por fim, pela moradora da casa de madeira da foto de hoje, que disseram ter um rol de palavrões na ponta da lingua para disparar na direção de quem ouse parar para observar sua tenebrosa casa, que foi envolvida e perfurada por raízes. Enfim, a fama (e alguns fatos) precedem o local! Mas fora a tensão, a caminhada transcorreu sem incidentes. Mais nos posts futuros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.