sexta-feira, 16 de junho de 2017

Ressignificando o que não era insignificante





Ontem quando fui fotografar o que sobrou da Casa Erbo Stenzel, encontrei o Helio Leites por lá também, circulando entre escombros, telhas quebradas, tijolos revirados e madeira queimada.

O Helio é um reconhecido significador de insignificâncias, apelido cunhado por Paulo Leminski há muitos anos. Lá nos escombros, munido de um alicatinho, olhos atentos e o bom humor ácido de sempre, conversava com todos, pegava um gravetinho aqui, um preguinho ali, certamente para mais tarde tentar ressignificar o que um dia já foi muito significativo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.