quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Igreja do Perpétuo Socorro




Em 1960 os redentoristas queriam erguer em Curitiba um Santuário dedicado a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro no centro da cidade, facilitando o acesso e assim, a participação dos devotos nas novenas. Provisoriamente a capela da Nossa Senhora da Glória, localizada na Avenida João Gualberto, erguida num terreno particular da tradicional Família Leão foi oferecida e aceita. No mês de abril de 1960 chegaram os dois primeiros redentoristas para começar o trabalho.
Entre 1964 e 1965 a frequência das novenas era tão grande  que a Prefeitura viu-se obrigada a determinar a interrupção do tráfego na avenida João Gualberto.
O projeto da igreja atual, elaborado pelo arquiteto e engenheiro Kozo Kassai, foi apresentado pelo prefeito Ivo Arzua no dia 12 de dezembro de 1965, à Câmara dos Vereadores de Curitiba. Atendendo ao pedido dos missionários, o projeto previu um lugar amplo, sem colunas e com visão livre para o altar de qualquer lugar da parte interna. O resultado foi uma Igreja de arquitetura ousada e original, tornando-se uma estrutura marcante na cidade de Curitiba. No dia 29 de Junho de 1969 foi inaugurada a atual Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Com a inauguração da nova igreja, a pequena Capela da Glória foi então devolvida aos cuidados da família Leão.
Fonte: site da igreja da Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Um comentário:

  1. Na última estada em Curitiba, no mês de julho, passamos por esta igreja. Minha esposa é devota da santa e, sempre que possível, visitamos o templo.

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.