quarta-feira, 13 de março de 2013

Um fundo de quintal inesperado.



Durante a nossa caminhada pelo Centro e pelas Mercês, uma das pessoas do grupo conseguiu acesso à um grande terreno livre nos fundos de um edifício residencial de três andares na rua Saldanha Marinho, entre a Prudente de Morais e Brigadeiro Franco. Nesse espaço privilegiado há um enorme gramado com flores, vasos, árvores e frutas, formando uma espécie de oásis exclusivo para os moradores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.