sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Borboletas no MON


Desde dezembro o Museu Oscar Niemeyer (MON) teve no seu jardim externo a instalação da intervenção “Panapaná”. São mais de quatro mil borboletas de cerâmica, produzidas por cerca de 80 artistas do coletivo “Cerâmica Contemporânea Curitiba”.

“Panapaná” é um termo de origem Tupi que significa coletivo de borboleta, representando o grupo de artistas que criaram as peças expostas. As borboletas, assim com a argila usada, representam renovação, transformação e metamorfose.

Esta é a quarta edição do projeto de intervenção de cerâmica no museu. A mostra ficará aberta ao público até dia 5 de março de 2017 e a entrada é gratuita. Fonte: site do MON.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.