quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Poleiros urbanos



Em Curitiba (e em qualquer lugar do mundo) o mobiliário urbano serve de poleiro para as pombas. Nas fotos de hoje fazem esse papel uma luminária e o busto de Zacarias de Góis e Vasconcellos que ficam na praça que leva o nome do primeiro presidente da província do Paraná.

No site da Revista Exame encontrei a definição da palavra "poleiro". Em pesquisa, Cláudio Moreno apresenta a história do termo poleiro: “…todas as línguas românicas utilizam um derivado do Latim pullus, “filhote”: o Francês tem poule, o Italiano tem pollo, o Espanhol tem pollo. O Português primitivo também teve polho, mais tarde polo (/ô/); no entanto, por razões até hoje obscuras, nosso idioma foi aos poucos abandonando esta palavra e substituindo-a por frângão, forma antiga que evoluiu para o nosso frango, reservando o pouco conhecido polo para designar o filhote do falcão.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.