sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Segurando a barra!


Para os reparos do elevado que cedeu dois metros na Marginal Pinheiros em São Paulo, podemos sugerir o uso da curitibana estrutura que já esteve psicodelicamente espalhada por toda a rua das Flores, com sua bela cobertura em acrílico roxo, projetada pelo arquiteto Abrão Assad. Esse exemplar no Museu Oscar Niemeyer valentemente suporta a pesada laje do museu, com elegância e beleza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.