quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Bustos e estátuas de Curitiba - Mateus Leme


Bandeirante paulista, Mateus Leme foi um dos primeiros povoadores de Curitiba, estabelecendo-se, com numerosa família, num sítio da região do rio Barigui. Nomeado Capitão-Povoador e sesmeiro pelo Capitão-Mor Gabriel de Lara, assinou o auto de criação do pelourinho de Curitiba em 1668. Mais tarde, em 1693, os habitantes se reuniram e solicitaram à Mateus Leme, por petição, a criação da Vila de Nossa Senhora da Luz e Bom Jesus dos Pinhais.
A estátua é de autoria de Elvo Benito Damo, num estilo que pode ser encontrado em várias outras estátuas de personagens históricos espalhados pela cidade. O texto acima foi extraído do mosaico fixado na base da estátua que fica no Parque São Lourenço, fotografada durante a última caminhada do Grupo de Caminhadas Observacionais.
Um texto bem interessante publicado por Romário Martins descrevendo o primeiro dia da Vila, pode ser encontrado aqui.

Um comentário:

  1. Luiz Pedroso de Barros (filho de Pedro Vaz de Barros, Capitão-Mor da Capitania de São Vicente), pai de Maria de Araújo, mãe de Lourenço Castanho Taques Neto (neto do primeiro descobridor das minas de ouro do Brasil, filho de Pedro Taques, filho de Francisco Taques, filho do italiano Maffeo Taxis, que detinha o monopólio dos serviços de correio na Europa e era descendente dos Torre Taxis, soberanos do Ducado de Milão entre 1197 e 1277, família descendente de Carlos Magno), pai de Ignácio Taques (casado com Margarida Leme, filha de José Martins Leme, filho de Antônio Martins Leme, filho de Matheus Martins Leme, sogro da filha de Baltazar Carrasco dos Reis), pai de Ignácio Taques Filho , pai de Balduíno Taques, pai de José Borges de Almeida Taques e Anna Maria de Macedo Taques, pai e mãe de Carlos Pacheco de Macedo Assumpção e Anna Maria de Macedo Taques (primos entre si), pais de Adelaide Taques de Assumpção, mãe da minha bisavó Deucleciana Bahls (neta de Frederico Martinho Bahls (Presidente da Câmara de Vereadores de Ponta Grossa, PR) e Anna Perpétua da Rocha Carvalhaes, filha de Miguel da Rocha Carvalhaes (fundador de Ponta Grossa)

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.