terça-feira, 20 de novembro de 2012

Cine Passeio


Parte das obras de revitalização do centro, o projeto que transformará o antigo quartel do Exército, localizado na Rua Riachuelo esquina com Carlos Cavalcanti, em Cine Passeio, poderá sair do papel ainda este ano. Com a transformação do prédio em Unidade de Interesse Especial de Preservação (UIEP) pelo Decreto N.º 1.275/2012, e com o estabelecimento da transferência de potencial construtivo, os recursos para a obra, de R$ 5 milhões e 700 mil, começarão a ser arrecadados para o espaço.
Projetado pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (Ippuc), o prédio de mais de 2,5 mil m² terá equipamentos como salas de projeção que serão batizadas de Luz e Ritz, cinemas de rua que foram desativados, respectivamente, em 2009 e 2005. “A intenção é preservar a arquitetura, o cinema de rua, culturalmente, e os cine Luz e Ritz, que atendiam ao público que aprecia cinema de arte”, ressalta o arquiteto e coordenador do programa Novo Centro do Ippuc, Mauro Magnabosco, responsável pelo projeto junto com Dóris Teixeira.
As duas salas de projeção (Luz e Ritz) terão 111 lugares cada. Outra sala, com 87 cadeiras, servirá aos cursos que devem ser ministrados no espaço, uma continuação, diz o coordenador do programa Novo Centro do Ippuc, Mauro Magnabosco, do que já é realizado na Cinemateca de Curitiba. A localização do prédio, aliás é bastante benéfica, por conta da proximidade com a Cinemateca. “Formará um conjunto na área voltado para o estudo do cinema, e complementará o que já é realizado atualmente.”
Estão previstas, ainda, áreas de convivência, um café, biblioteca e espaço para exposições e encontros. No terraço, deve ser construído um espaço para projeções ao ar livre. “Queremos fazer com que as pessoas circulem e usufruam desse espaço. É um local que, sem dúvida, será indutor de outras revitalizações no centro”, frisa Magnabosco.

3 comentários:

  1. Ótimas notícias sobre o Cine Passeio, Takeuchi.

    Você ainda lembra das ocasiões de ir aos cinemas de rua, ao contrário dos atuais em shoppings? Tenho saudade deles.

    ResponderExcluir
  2. Lembro sim professora. Freqüentei muito os cinemas de rua de Curitiba, especialmente o Astor e o Condor. Bons tempos.

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.