segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Atrapalhando a confissão.

Num domingo recente estava na Igreja São Vicente de Paulo, no Bairro São Francisco, fotografando em seu interior num intervalo entre missas. Quando estava ao lado de um confessionário, subitamente de dentro dele aparece um padre (muito simpático) e começa a contar excelentes histórias sobre a construção da igreja.
Percebi durante a conversa um senhor que nos olhava de modo reprovador, olhar esse que atribuí ao fato de eu estar fotografando a igreja. Assim que sai de perto do confessionário, esse senhor aproximou-se para praticar o sacramento da confissão, ou seja, sem perceber estava atrapalhando a rotina da igreja.
Espero que agora ele não fique aborrecido por publicar sua foto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.