terça-feira, 5 de julho de 2016

O Moinho Rebouças















Sede da Fundação Cultural de Curitiba, o Moinho Rebouças é um lugar incrível para fazer muitas e belas imagens.

Construção de ingleses, foi levandado em 1930 para fabricar farelo, triguinho, bicoitos e a farinha de trigo Soberana.

Vítima de incêndio em 1942, só voltou a funcionar em 2002, já propriedade municipal, como sede e símbolo do projeto de revitalização do bairro com atividades de cultura, lazer e negócios.

Há dentro do Moinho, um desvio da via férrea para escoar a produção e um abrigo antiaéreo erguido durante a II Guerra Mundial, onde segundo o amigo Fernando Popp, a acústica é perfeita (atestado por um concerto de flauta).

A maior parte das informações acima foram obtidas do totem que ainda existe na calçada em frente ao Moinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.