sexta-feira, 17 de junho de 2011

Pessoas comuns e incomuns de Curitiba 28


Sábado é um dia bacana na Boca Maldita. No último, além da galera do Abraço Curitiba, encontrei um pessoal da prefeitura com mesas de jogos, o pessoal da feira de inverno, um pessoal da área de saúde, o pessoal expondo seus quadros, os cavalheiros da Boca Maldita e esse pessoal da foto, que depois de um "Paranauê,paranauê-paraná" básico, abriram uma roda de capoeira que chamou a atenção dos que passavam por ali. Como a concorrência por espaço era grande, a roda ficou um pouco pequena, o que aumentava a tensão a cada movimento.

Um comentário:

  1. Essa música tá em todas as rodas de capoeira, mas a sonoridade do berimbau quando bem tocado é muito show.

    JOPZ

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.