sábado, 21 de janeiro de 2017

Yoga no Parque



Domingo passado entre as Ruínas de São Francisco e o Belevedere (novamente todo pichado) fiz essas duas fotos do pessoal do Yoga no Parque.

Segundo informações no site do grupo, o Yoga no Parque nasceu com o objetivo de compartilhar a sabedoria do Yoga e é hoje o maior movimento gratuito de práticas de Yoga no Brasil. Tem como missão promover o Yoga e dar acesso ao bem estar através de atividades integrativas contribuindo para o desenvolvimento sustentável.

Em 2014 foi fundada a Associação Yoga no Parque, entidade sem fins lucrativos, que organiza o projeto e representa os professores junto à sociedade.

2 comentários:

  1. Em meados de janeiro estive em Curitiba, com meu filho de 11 anos. Passeamos a pé, almoçamos e caminhamos pela XV.

    Mas não pude ir até essa praça, tampouco outros locais do Centro Histórico. O motivo? Pessoas suspeitas, desocupados, drogados e talvez até assaltantes, em plena luz do dia, lá pelas 14h30.

    Ali perto, um sujeito estranho nos ameaçou.

    A cidade não é mais do povo. Essas pichações, as depredações, o lixo, a violência nos dizem que as cidades, ruas e praças não mais pertencem ao povo. Triste, mas uma dura realidade.

    Uma luz no fim do túnel é o prefeito Dória, em São Paulo, que tenta ensinar ao sujo que sujeira não é bom.

    Torço para que Greca devolva Curitiba aos cidadãos. Quero voltar a passear em Curitiba, frequentar seus locais históricos, as feiras, em qualquer hora do dia, sem medo.

    Eu e meu filho acabamos num sem graça shopping, único local que ainda se tem um pouco de paz.

    Desculpas pelo desabafo, mas é muito triste ver a degradação de uma cidade e de um país.

    Forte abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Julio.

      Entendo perfeitamente o que comentou e para quem mora em Curitiba há muito tempo, a sensação é a mesma em muitas regiões da cidade, infelizmente.

      Excluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.