segunda-feira, 22 de março de 2010

A Arquitetura Modernista de Curitiba - Leo Linzmeyer

Neto de alemães, Gerhard Leo Linzmeyer nasceu em Curitiba em 7 de setembro de 1928. Na infância, estudou desenho e pintura com Thorstein Andersen, filho do pintor Alfred Andersen. Recém formado em engenharia pela UFPR, trabalhou no escritório de Rubens Meister, estabelecido no canteiro de obras do Teatro Guaíra. Nos anos de 1956 e 1957, foi estudar Arquitetura na Universidade de Karlsruhe, no sul da Alemanha. Foi diretor do Departamento de Águas e Esgoto do Estado do Paraná; Diretor Presidente da Companhia de Saneamento do Paraná, Sanepar; Secretário de Estado de Viação e Obras Públicas (1975 e 1979) e Coordenador da COMEC (1979). Faleceu em Curitiba em 1999.


Casa Nelson Imthon Bueno (1958).
R. Itupava entre Atílio Bório e Schiller.
Em relação do uso do desnível do terreno no projeto da Casa Nelson Imthon Bueno, a proposta de Linzmeyer conquistou o proprietário perante outros projetistas consultados, que pretendiam um aterro. O lote urbano com muita frente e pouca profundidade conduziram a uma solução que quase colou a casa nas divisas, imprimindo linearidade para a solução.


Casa Orlando Kaesemodel (1960).
Rua Carmelo Rangel.
No projeto da casa de Orlando Kaesemodel, Linzmeyer também aproveitou o desnível do terreno para utilizar o pavimento inferior para garagem e espaços de estar, usufruindo a face norte do terreno e o bosque natural existente. O uso inovador de lajes duplas permitiu a passagem de tubulações, disposição livre dos ambientes e grandes panos de vidro.


Casa Edgar Barbosa Ribas (1967).
Pe. Agostinho, entre Angelo Sampaio e Pça Ucrânia.
Duas Lages “flutuantes” com terraços e generosos balanços compõem a disposição dos planos de uso da casa Edgar Barbosa Ribas. Como um mirante situado em ponto alto do terreno, a casa tem seus espaços ao mesmo tempo bem setorizados e interligados. O contraste entre beirais em concreto com grandes esquadrias de madeira é característico da estética da arquitetura de Leo Linzmeyer.

2 comentários:

  1. Parabéns, fiquei muito feliz em ver teu trabalho sobre meu tio.

    Ivan Linzmeyer Santos
    Face: Curitiba Antiga

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ivan! Sou eu quem fica feliz em saber que alguém da família de uma pessoa importante para a história de Curitiba, passou pelo meu blog.
      Espero que volte sempre.

      Excluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.