terça-feira, 9 de novembro de 2010

E com vocês: OIL MAN!!




OK! Não é novidade nenhuma. Todos já leram, viram (ao vivo ou na TV) ou ouviram falar do Oil-Man. Mas como não é todo dia que se encontra um Super-Herói nas ruas de Curitiba (imaginava o dia em que encontraria o Oil Man ou o Gralha nas minhas andanças), não pude perder a oportunidade de fotografá-lo quando o encontramos ontem no Alto da XV (parece que a Oil House fica nessas imediações) no fim do dia. Seguimos o Oil Man por várias quadras para fazer essas fotos, sempre com muito cuidado para não despertar sua oleosa fúria. Pelo ar cansado (mas destemido) que ele aparentava, parece que o dia foi difícil para nosso herói, pois até o “Oil” quase não era mais perceptível.
Oil Man é o alter ego de Nelson Rebelo, Curitibano, professor aposentado formado em Ciências Biológicas pela UFPR que já imitou o Elvis num programa de TV local, e que um dia decidiu besuntar-se de muito óleo por todo o corpo, trajar apenas uma sunga e sair à esmo por Curitiba em sua bicicleta, segundo achei na internet, motivado por uma desilusão amorosa. Isso praticamente todos os dias, faça frio ou calor.
Ele já teria dito que o personagem foi inspirado em Arnold Schwarzenegger, Sylvester Stallone e Steven Seagal, apesar de não me recordar de qualquer filme em que esses atores tenham encarnado personagem semelhante ao Oil Man.
O Oil Man já foi entrevistado no Programa do Jô, já apareceu no Fantástico no quadro do Maurício Kubrusly e em diversas publicações. Foi também vitima de um assalto em 2006, perdendo sua Oil Bike, para logo depois ser presenteado por uma empresa do ramo com uma nova bicicleta e um novo jogo de sungas.
Participou inclusive de um curta metragem dirigido pelo desenhista Tako X, onde os dois heróis curitibanos se encontram na Rua XV: O Gralha e o Oil Man – Um Encontro Explosivo. Segue o link no You Tube: http://www.youtube.com/watch?v=l8DHRXAbwU4.
Enfim, trata-se de uma figura que já é uma lenda urbana na cidade e ao que tudo indica, por muito tempo circulará pelas ruas e parques de Curitiba.

8 comentários:

  1. ha....

    He must have known you were taking his photo, Washington?

    ResponderExcluir
  2. Hi Kitty!
    Yes he did, since we have followed him for more than 5 blocks!! KKKK
    But the guy is used to and likes to be the center of anyone's attention!

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente não mais...
    Notícia de seu atropelamento hoje, no Paraná On Line: http://peska.tempsite.ws/noticias/paranaonline-morre-oil-man.html

    ResponderExcluir
  4. Oi Marcia. Pelo que eu li na internet, trata-se de noticia falsa.

    ResponderExcluir
  5. Pois, é, descobri agora!!!!!!1 Que alívio, eu já estava triste com a notícia. Agora não sei se fico ainda mais triste por plantarem uma notícia dessa, fala sério!! Delete o comentário. Melhor, antes que se espalhe!
    Obrigada!
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Vamos deixar os comentários. Se o Oil Man é uma lenda e um herói curitibano, alimentará ainda mais o mito. Depois dirão que um arqui-inimigo dele o atropelou covardemente usando um caminhão tanque lotado de vaselina liquida, mas graças à super-meleca que ele espalha pelo corpo, saiu ileso de mais essa!

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.