quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Mais Asa




Nessa semana fui contatado pelo Professor Rolando do Curso de Arquitetura e Urbanismo da UTFPR, em razão de um post que fiz nesse blog sobre o Edifício Asa. O professor perguntou se eu teria mais informações sobre o Asa e em razão desse questionamento, entrei em contato com a administração do condomínio e deles obtive mais algumas informações interessantes. Por isso, hoje fiz novas fotos do Asa, depois de tomar café com meus pais, que ainda moram lá, e decidi fazer esse novo post.
O Asa teve sua construção iniciada em 1950 e pelas dificuldades da época, a construção foi finalizada somente em 1957. Porém a ocupação do prédio iniciou-se bem antes (1954-1955) quando estava parcialmente acabado.
As plantas se perderam com o tempo e por isso, não há (na administração do Asa pelo menos) registros de quem teria sido o arquiteto e responsável pela obra (comentou a pessoa que me atendeu que há rumores, não confirmados naturalmente, de que Oscar Niemeyer teria alguma relação com o projeto).
Sabe-se no entanto, que a construtora responsável pela obra foi a Aranha Engenharia S.A. e daí, a maior curiosidade que obtive, vem o nome do edifício: Asa vem de Aranha S.A.
O edifício possui 413 unidades residenciais e comerciais e por dia, circulam pelo prédio cerca de 4.000 pessoas.
Minha família reside nesse prédio desde 1.971, primeiramente minhas irmãs, vindas do interior do Paraná para fazer cursinho e faculdade e depois eu, outra irmã e meus pais em 1978.
As fotos mostram um semi-giro que fiz no prédio. A primeira foto mostra o Asa a partir da Praça Osório, a segunda da ala comercial da Voluntários da Pátria e a última, a partir da Carlos de Carvalho.

5 comentários:

  1. Eu tenho medo desse prédio rsrsr.
    Trabalhei lá uns dias e vivo passando por lá porque a agencia de eventos que trabalho fica lá.

    Mas acho que ele tem uma energia misteriosa rsrsr.

    Deve ter muita história... daria um filme, um seriado rsrsr

    ResponderExcluir
  2. Oi Lis. Muita gente diz que sons estranhos e portas fechando sozinhas sem vento, acontecem! Meus sobrinhos contam algumas dessas.
    Acho que tinha sono pesado, pois nunca ouvi nada (além da Dona Noêmia gritando com seus cachorros!).

    ResponderExcluir
  3. OPAZ, ótima revelação essa do nome, então temos uma inimaginável "ASA DE ARANHA"...

    e olha só esse conto sinistro...

    http://www.textolivre.com.br/contos/5126-a-noiva-loira-do-edificio-asa-

    jopz

    ResponderExcluir
  4. Bacana o conto! Sei que pessoas já morreram caindo do Asa. Algumas dessas quedas são noticiadas (com discrição) quando a queda ocorre na via pública. Já outras que ocorrem no fosso interno (sim, tem um fosso escuro e tenebroso entre a ala residencial osório e a ala comercial), não encontrarão qualquer menção na imprensa.

    Na real, tem apenas duas coisas no Asa que são verdadeiramente assustadoras:
    1 - A decoração da galeria. A "pintura" imitando um céu azul com nuvens do teto, não combina com a meia parede superior, que não combina com a meia parece inferior, que não combina com o piso, que não combina com o teto!
    2 - Nos andares do Asa, há placas instaladas ao lado dos elevadores alertando "Antes de entrar no elevador, verifique se o mesmo encontra-se nesse andar". As pessoas fica assustadas (principalmente as crianças) com a possibilidade de encontrar essa tal de "mesmo" nos andares do prédio e do que esse tal de "mesmo" poderia fazer com elas! Mas até hoje, não soube de ninguém que tenha encontrado esse misterioso personagem do Asa! Deve estar com a tal Noiva Loira do Asa.

    ResponderExcluir
  5. Ahhh eu estava lá qnd a ultima se jogou no fosso, pouco mais de um mês atrás... medo!

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.