quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Bar do Alemão - Schwarzwald



No sul da Alemanha, uma grande floresta ( a Floresta Negra ou Schwarzwald) é o lugar mais bacana do país para passear, comer, beber e descansar. São duzentos quilômetros de florestas e pequenas montanhas, cheias de lagos, castelos e cidadezinhas que parecem de brinquedo. As pessoas preservam tradições, principalmente quando se fala em comer e beber.
É desse ambiente aconchegante e diferenciado que surge a idéia do Bar do Alemão ou Schwarzwald, um dos mais tradicionais e bem freqüentados de Curitiba. Localiza-se no lardo da Ordem e foi aberto em 1979.

No Bar do Alemão Curitiba, os clientes podem aproveitar o happy hour nas mesas ao ar livre e experimentar os mais tradicionais pratos e sobremesas da culinária típica alemã, acompanhados por chopp (claro e escuro) em canecas de 500 ml ou por um "submarino", famosa bebida da casa com um toque especial, dentro do chope uma dose de Steinhäger, espécie de gim alemão.

Fonte: www.bardoalemaocuritiba.com.br

É um grande barato pedir um submarino porque a dose de Steinhäger vem servida num canequinho submerso no chopp (por isso o nome submarino). Invariavelmente as pessoas "passam a mão" no canequinho como um souvenir para descobrir mais tarde no fundo do canequinho a frase: "Esse caneco foi roubado honestamente".

Foi no Bar do Alemão que ouvi pela primeira vez falar da Carne de Onça. Trata-se de uma fatia de pão escuro com uma porção de carne crua em cima super temperada. Ao contrário do nome, não é feito com carne de onça, mas com uma boa carne de vaca. O nome foi dado porque a carne é tão temperada que quem come a iguaria fica com um "bafo de onça". Acho que é isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.