domingo, 5 de dezembro de 2010

Força de vontade


Domingo é fogo! Então, desculpem antecipadamente a viagem do post de hoje!

Já vi toda espécie de pichação em Curitiba ou mesmo belos grafites adornando muros e paredes. No caso das pichações, normalmente são palavras ilegíveis ou incompreensíveis, equivalentes à idade mental de quem as faz.
Não sei bem porque essa palavra, escrita no muro do Restaurante Peixinho (Brigadeiro com Av. Agua Verde), chamou minha atenção: WILL.
Pode ser o diminutivo do nome do autor da façanha ou como pensei, a palavra de origem inglesa. Partindo desse princípio (já que é uma bela palavra e de muitas possibilidades), busquei os seus vários sentidos no dicionário de Cambridge.
"Will" pode ser um verbo auxiliar para indicar o futuro, uma intenção, uma solicitação, uma possibilidade, uma perenidade, saindo do campo do verbo auxiliar, pode ser um testamento e a tradução que mais me agrada e que provavelmente me fez olhar para esse muro, pensar na palavra e fotografá-la: força de vontade, desejo.
Diretamente do dicionário: Will - the mental power used to control and direct your thoughts and actions, or a determination to do something, despite any difficulties or opposition.
Hoje é o dia da primeira prova da segunda fase da UFPR. Minha filha fará essa prova. Espero que não lhe falte todas as qualidades que definem essa palavra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.