quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Rua Monsenhor Celso, antiga Rua Formosa


O primeiro nome da atual Rua Monsenhor Celso foi Rua Formosa. Na década de 30 a rua assumiu o nome atual em homenagem ao vigário muito querido na capital, Monsenhor Celso Ityberê da Cunha. Nessa rua, prevaleciam moradias, mas marcaram época a Alfaiataria Bom Marché, a Chapelaria Elegante e o luxuoso Club Curitibano, num prédio que existe até hoje na esquina com a Rua XV.

Fonte: Ruas e histórias de Curitiba. Hoerner Júnior, Valério. Artes & Textos. 2002.

2 comentários:

  1. Morei bons anos duas quadras adiante, na José Loureiro, esquina com esta Monsenhor Celso, num prédio apelidado de "Joga a Chave". Adivinhe só por que seria. Era uma fauna variada e estranhíssima que lá habitava, eu inclusive, claro. Foi lá, nesse lugar mal-afamado que senti uma das melhores sensações de minha vida, na tarde do dia em que lá entrei para ficar, durante o primeiro banho reconfortante na primeira casa inteiramente minha, modesta mas ampla, um grande apartamento de um quarto, ainda vazio de móveis e trens, onde eu passaria a reinar soberana.
    Meu sogro tinha uma coleção de ditos populares e agora lembrei de um deles, a propósito:
    "minha casa, minha casinha: merda pro rei e prá rainha"

    ResponderExcluir
  2. Bom relembrar o passado. Não é? Principalmente boas lembranças. Obrigado por compartilhar essa história.
    Essa região está ainda mais estranha e sombria.

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.