sexta-feira, 27 de julho de 2012

Florada do Ipê Roxo na Rua Pref. Ângelo Lopes


Passo várias vezes pelas ruas do Alto da XV e já havia notado a florada dessas belas e altas árvores. Estacionei num desses dias para fotografar uma das ruas. Sem ter certeza do nome da árvore, liguei para a Secretaria do Meio Ambiente e fui informado que tratam-se de Ipês Roxos.
Coincidentemente a rua que fotografei chama-se Prefeito Ângelo Lopes, avô de um amigo, à quem recorri para saber um pouco da história desse prefeito de Curitiba.
Ele me indicou um video no You Tube, de onde extraí as seguintes informações.
A rua Prefeito Ângelo Lopes nasce no Cristo Rei, cruza o Alto da XV e termina no Hugo Lange. Ângelo Ferrário Lopes nasceu em Curitiba em 1902, mas passou a sua infância em Palmeira. Aos 18 anos veio para Curitiba para estudar engenharia civil. Uma vez formado, passou a atuar como engenheiro do estado e por 30 anos trabalhou em órgãos públicos.
Em 1928 assumiu o mais alto posto na carreira de engenheiro do estado, diretor do departamento de inspeção geral de obras e viação da secretaria dos negócios e agricultura. Do Interventor Manoel Ribas recebeu a missão de executar o plano de edificações públicas e a reforma da rede rodoviária do estado.
Foi um dos responsáveis pela construção da estrada do Cerne, chamada hoje de Ângelo Lopes. Participou também, de obras importantes como a do Colégio Estadual do Paraná e do antigo CEFET.
Em 1947 foi nomeado prefeito de Curitiba pelo então governador Moisés Lupion, permanecendo nesse cargo por 10 meses.
Em 1956 foi nomeado durante o governo do presidente Juscelino Kubitschek, diretor superintendente da Rede Viária Paraná - Santa Catarina (RVPSC). Uma vez unificada toda a rede nacional sob a Rede Ferroviária Federal Sociedade Anônima (RFFSA), Ângelo Lopes foi convidado para ser o diretor geral a nivel nacional mas recusou-se pois não queria deixar Curitiba.
É descrito por amigos como uma pessoa ponderada, discreta e calma, assim como a rua que leva o seu nome e cuja foto de suas belas árvores divido hoje com vocês.

2 comentários:

  1. a cor das flores está lindo demais ! a sua foto é espetacular !

    mas... fiquei cismada com o transformador, parece estar enferrujado.

    ResponderExcluir
  2. Kkkk! Somente uma engenheira para notar a ferrugem de um trafo no meio de tantas flores! Sensacional. Abraco.

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Seu comentário é muito bem-vindo.